Canal Interativo

Mande aqui a sua pergunta

Canal Interativo

Algumas Perguntas e Respostas da Meiry Kamia

Tenho um problema sério com uma amiga onde trabalho. Ela é muito egoísta e toda vez que ela pede um favor eu faço mas quando eu peço ela nunca faz. Fico com raiva disso e queria saber como eu devo agir. (CLAUDETE)

Resposta: Prezada Claudete, costumo dizer que as pessoas dão o que têm para dar. Há pessoas que precisam tanto da ajuda de outras que costumam pedir mais. Outras pessoas, que possuem capacidade maior, ou porque são mais ágeis, ou porque têm mais experiência, acabam sendo mais solicitadas. Não se aborreça se ela te pede e não te dá nada em troca. Talvez ela não tenha condição de dar ajuda nem a ela mesma (por isso te pede sempre) e quem dirá para outra pessoa. Também não é sábio você se sobrecarregar por conta de outros. Tenha como foco principal o seu trabalho e seu resultado, quando der para ajudar os outros, ajude, mas quando não der, aprenda a dizer não e explique que precisa terminar o seu trabalho também. Informe que assim que estiver livre, aí sim você ajudará quem te pediu ajuda.

Prezada Dra. Meiry o que é necessário fazer para ser um bom orador? E também escrever e falar bem o Português? (Valdemir Brittos)

Resposta: Um bom orador reúne diversas habilidades que envolvem uma boa dicção, vocabulário, domínio do assunto abordado, boa expressão facial e corporal, e a capacidade de envolver a plateia. Existem diversos livros que falam sobre o assunto, mas o mais importante é ter um lugar para praticar. A prática leva à perfeição! Para escrever e falar bem a receita é a mesma: prática. Leia e escreva muito. Quem não lê tende a escrever errado, justamente porque não percebe que está escrevendo errado. Boa sorte!

Minha irmã tem 18 anos, esta desempregada e estudando por conta pré-vestibular. Qual seria o primeiro emprego ideal, tendo em vista não ter experiência? Precisamos que tenha uma renda pra ajudar a pagar a faculdade. (Sâmia)

Resposta: Sâmia, sua irmã está em um momento muito importante da vida. Ela está escolhendo o rumo da vida profissional. Antes de arrumar emprego seria interessante ela refletir que área ela pretende atuar? Como ela imagina o futuro daqui a 10, 15 ou 20 anos? Essas reflexões ajudam a fazer melhores escolhas no momento presente. “Atirar para todos os lados” nunca é uma boa solução. O trabalho é meio através do qual nos realizamos como seres humanos e deixamos nossa marca no mundo, portanto, decisões nessa área devem ser tomadas com cuidado. O melhor caminho seria alinhar as necessidades profissionais e financeiras. O melhor seria buscar emprego na área desejada, além de iniciar a carreira de forma planejada ela ainda poderá aplicar o conhecimento adquirido no curso na prática do trabalho, agregando ainda mais para ela e para a empresa.

Tenho um chefe chato, mas chato mesmo! Não tô mais aguentando ele. Ele pega no meu pé o tempo todo, e com os outros ele deixa passar. Já percebi que o negócio é comigo. Não sei o que fazer porque tenho família para sustentar, uma filhinha linda, e não tenho outro emprego no momento mas também não to aguentando a situação. (Codinome: Anderson)

Resposta: Anderson, em primeiro lugar, você deve se acalmar. Evite tomar decisões no “calor das emoções”. Às vezes, a raiva que você sente da situação de impotência, é mostrada em pequenos gestos, palavras e tom de voz. Sem querer, você também pode estar alimentando a raiva do seu chefe. A primeira coisa a se fazer é tentar olhar para a situação sem fazer parte do problema, ou seja, sem deixar a raiva cegar a sua razão. Pessoas “de fora” da situação, enxergam melhor que nós. Tente perguntar a seus colegas de trabalho por que seu chefe o trata dessa forma, peça sugestões a seus colegas sobre o que você pode fazer para melhorar seu relacionamento com seu chefe. Depois, mais calmo, tente conversar com seu chefe. Diga como se sente e que gostaria de melhorar o relacionamento. Uma conversa franca é sinal de maturidade. Além disso, situações difíceis da vida aparecem para que possamos aprender. Nesse seu caso, a lição mais importante é a da Humildade. Reconhecer que não é só o seu chefe que é chato, mas que talvez você também seja responsável pela relação ruim é o primeiro passo para resolver sua questão com sabedoria! Sem prejudicar a si mesmo e a sua família, e melhorando a relação com o chefe e, consequentemente, com o seu trabalho.